terça-feira, dezembro 20, 2005

Para a Andorinha...lamechas q.b.

Meu coração
Sem direção
Voando só por voar
Sem saber onde chegar
Sonhando em te encontrar
E as estrelas
Que hoje eu descobri
No seu olhar
As estrelas vão me guiar

Se eu não te amasse tanto assim
Talvez perdesse os sonhos
Dentro de mim
E vivesse na escuridão
Se eu não te amasse tanto assim
Talvez não visse flores
Por onde eu vim
Dentro do meu coração

Hoje eu sei
Eu te amei
No vento de um temporal
Mas fui mais
Muito além
Do tempo do vendaval
Dos desejos de um beijo
Que eu jamais provei igual
E as estrelas dão um sinal

Se eu não te amasse tanto assim
Talvez perdesse os sonhos
Dentro de mim
E vivesse na escuridão
Se eu não te amasse tanto assim
Talvez não visse flores
Por onde eu vim
Dentro do meu coração

4 comentários:

freemind disse...

Uma musica muito bonita... vi o concerto... duas vezes aliás.
Bem escolhido Maria... pela "euforia" da Andorinha deve assentar-lhe que nem uma luva... lol

Maríita disse...

Eu não vi o concerto, mas tive pena. Eu também achei...Bom dia!

freemind disse...

Tens de ver... ela tem uma vida em palco... eu vi-a no Rock in Rio e no Atlântico... e valeu a pena. Recomendo, a quem goste de musica brasileira, claro.

Andorinha disse...

OBRIGADO!!!
Adoro esta música e confesso que a tenho agora a tocar:)Vi o concerto no Pavilhão Atlântico e adorei!A frustação de não ter visto no rock in rio levou-me a ir ainda com mais expectactivas para o Pavilhão Atlântico, mas não saí de lá minimamente defraudada! A Ivete Sangalo é um furacão em palco e canta com uma emoção e um entusiasmo que não tem comparação!
E xim, assentou como uma luva! Obrigado meu anjo!És um doce de coco!Beijos enormes!