sexta-feira, março 02, 2007

Das coisas que me acontecem e que me deixam perplexa

Anteontem, ao entrar no prédio onde vivo, cumprimentei com um "Boa tarde!" o actual porteiro. Parece-me pacífico cumprimentar as pessoas, mas já deveria saber, por experiência própria que não é. Assim, seguiu-se um diálogo surrealista que durou uma eternidade a meu ver:
Porteiro (P.) - "por acaso até uma boa tarde, já descobri o que é que me anda a fazer mal à
prostata" ;
Maríita (M.) - ah...
(o que é que eu tenho que ver com a prostata deste tipo? Conheço-o de algum lado? É altura de perguntar o que é a prostata? É melhor não, ainda me explica...)
P. - É dos comprimidos que tomo.
M. - (silêncio)
(devem ser comprimidos para a cabeça, só pode)
P. - Pois, isto começou há uns anos, e depois deixou de funcionar, e comecei com os comprimidos, mas agora já me estava a fazer transtorno.
M. - (silêncio enquanto vê o correio)
(mas isto é karma, só pode! O que é que EU tenho que ver com este filme????)
P. - A minha mulher já se andava a queixar e tudo e o pior são as dores.
M. - Então as melhoras, até amanhã! Um resto de boa tarde!
(e subi as escadas, a rezar a todos os santos para que ele se vá embora)
- - - - - - - - - - - - - - - - - -
Desejo que o realizador ordinareco e mediocre deste filme se acuse, que peça subsídios e me ponha no papel que eu mereço, em caso de dúvida:
- Dondoca;
- Rica;
- Muito rica;
- Obscenamente rica;
- e Muiiiiittttttooooo FELIZ!

12 comentários:

Anne Marie disse...

"Obscenamente rica" não existe, querida!
O que faz impressão é mesmo a pobreza, jóia! ;)

Beijinhos de oiro e alegria!

Tongzhi disse...

Eu sugiro que hoje, quando fores para casa,lhe digas:
Boa tarde :) Então e novidades da sua próstata?
he he he

Pandora disse...

Vá lá, dá lá uma conversinha ao homem, coitado! Se está com problemas na próstata também já não lhe devem restar muitas alegrias...

LOL

o gajo dos avioes disse...

pelo que depreendi, os comprimidos devem ser aqueles azuis, certo. para a mulher se andar a queixar, não era certamente de excesso. eheheheh

pergunta-lhe se os comprimidos não atacam o 'hemorroidal', é sempre uma pergunta inteligente ;-)

Niki disse...

ahahahahahahahahahaah

olha, diz-lhe que hoje te doem os ovários!


Bjs

Capitão-Mor disse...

Fica feliz pelo facto do porteiro não ser ter queixado das hemorroidas nem das varizes da mulher.
Um bom fim de semana!
Bjos

DIV de divertida disse...

Lindo!!
Nem acredito que não tenhas dado ao menos 2 dedos de conversa ao homem!
falavas dos bicos de papagaio!

CaCo disse...

Porque não falar das cruzes? LOL

CP disse...

eheheh
É o que dá falar com as pessoas. É por essas e por outras que deixei de falar com toda a gente. E depois de um cão me ter ladrado quando lhe disse "bom dia vasco" estou seriamente a considerar deixar de falar com os cães também!

Luís Graça disse...

Este tipo de diálogos é mesmo "à Harold Pinter", um dos heróis do meu professor do workshop de teatro.
Acaba hoje, daqui a umas horitas, o segundo módulo.
Como o ambiente da malta é bom, não resisti a uma boquita inocente.
Estava o Sinisterra a dizer que gostava de montar o "Othelo". E eu acrescentei, semi-baixinho: "...Saraiva de Carvalho...".
Quem ouviu riu-se. Ele não se apercebeu. E assim me livrei do Campo Pequeno.

Blondie disse...

Mas que raio conversa para se ter com o porteiro. :-D
Beijinhos

Jotabê disse...

Huuummmm!
Ele viu em ti potencialidades para o desabafo, aposto que o próximo anda ali para os lados de alguma disfunção sexual, por causa dos comprimiddos que a mulher toma.

:|
:)

beijoca