quarta-feira, fevereiro 01, 2006

Arrumar o sotão - Parte II

Hoje aprendi que as arrumações que fazemos, servem para ordenar por fora o que cá dentro está, mas está desorientado.
Assim conseguimos uma sensação de ordem, e como tal de paz.
Enquanto mantivermos as coisas assim, a ansiedade reduzir-se-á e tenderemos a esquecer a revolução q vai cá dentro... Nunca tinha pensado assim,sabem?
Sempre pensei que fosse assim q me arrumava por dentro, mas afinal não...apenas consigo: controlo sobre as situações e sobre os meus sentimentos e momentos de vida.
Mas ao fim e ao cabo, como não sou maníaca das arrumações, a minha intenção final, que era de ter tudo direito pra por fim me dedicar mais a mim, vai vencer!
Agora vou olhar pra dentro, e dedicar-me mais a MIM.
Quanto mais eu souber sobre mim mesma, mais me posso entregar por inteiro aos outros, porque neles saberei reconhecer alegria, tristeza, ansiedade, paz, angústia, prazer...
Que assim seja.

6 comentários:

marta disse...

Minha querida, não tentes controlar os teus sentimentos e momentos de vida pq a vida vai-te mostrando aos poucos que mais cedo ou mais tarde n tens controlo nenhum sobre isso.Enquanto o tentares fazer estarás a racionalizar o que sentes, estarás apenas a pensar e a deixar de sentir. Experimenta arrumar 1º por dentro, qd conseguires pôr as emoções em dia, tudo à volta começará a fluir com toda a naturalidade, até as arrumações...:)
beijinho

Andorinha disse...

Ora aí está Marta!!
Chegaste ao ponto certo: sentir em vez de pensar!!
Foi isso q andei a aprender a fazer nos últimos dois meses, daí a naturalidade com que encaro esta fase! E tb o caos q estava a minha casa! Nem tens noção! Uma verdadeira VERGONHA!
Adiante! O q se passou foi: arrumação interna, ou melhor listening and comprehension. Passo seguinte: arrumar a tralha acumulada enquanto ouvia e compreendia! lol
3ª passo: escrever a composição com base no q ouvi e compreendi sobre mim mesma, ou seja, leia-se: interpretar-me e saber ler-me e reler-me novamente, interiormente.Assim não vou pensar em soluções, vou apenas sentir em cada momento e situação da minha vida! Este ano (se for a Aveiro), vais ver a diferença! ;)
Bjs!

marta disse...

Tenho a certeza que vou ver diferenças :), astrologicamente falando e vendo pela tua data de nascimento chama-se a isso "o retorno de saturno". É a fase da reestruturação da nossa vida.De agora em diante vais sentir com mais força ainda, que a vida te vai pedir que olhes cada vez mais para dentro de ti, vais pôr muita coisa em causa, vais começar a vêr as coisas e pessoas com outros olhos, vais fazer escolhas. Haverão dias mais dificeis e frustrantes em que vais sentir necessidade de te isolar e fugir do mundo.É uma fase em que a vida te vai pedir um reencontro contigo propria e uma transformação do teu Eu mais profundo.É uma fase de grande aprendizagem da nossa identidade, daquilo que realmente somos, daquilo que mais temos andado a fugir em função dos nosso medos. Só tens que escutar a vida e o teu coração, pq todos os dias ele te está a dizer o que tens q mudar dentro de ti para aprenderes a seres tu própria, a escolheres em função do q sentes e não do q temes e consequentemente a seres feliz. N resistas, n controles, aproveita esta fase, mesmo os dias mais dificeis pq todos os dias estarás a aprender com eles e apesar do esforço vais ver que vai valer a pena ver nascer uma nova andorinha, mais liberta, mas madura,acima de tudo mais ela própria. Boa sorte nesta tua caminhada...;)
bjs

ferrus disse...

Um sorriso e votos de boa arrumação, quem interior quer exterior ( a interior é mais difícil mas bem mais compensatória ). beijinhos...

Maríita disse...

Quando existe caos em todas as áreas da nossa vida, quando sentimos que não controlamos nada, temos tendência a controlar por algum lado. Arrumar, limpar e cozinhar, são excelentes actividades para meter os pensamentos em ordem.
Beijos

Andorinha disse...

Obrigado Marta: adorei!
Mts beijinhos
Andorinha